Grupo Conserpa Enger

VISTORIA DE APARTAMENTOS NOVOS: CONHEÇA 7 MOTIVOS DE PORQUE ELA É TÃO IMPORTANTE

A compra de um apartamento é fato marcante na vida de uma pessoa, é uma escolha difícil e carregada de sentimentos porque muitos morarão nesse imóvel pelo resto de suas vidas. É fácil entender porque muitos se deixam levar pela emoção quando estão visitando a entrega do seu apartamento novo. É pela primeira vez dentro dele e, assim, acabam assinando qualquer coisa para receber as chaves. O grande problema é que essa primeira visita ocorre justamente no momento da vistoria de entrega do imóvel.

A importancia técnica deste momento nos motivou a escrever este artigo pensando em 3 possíveis leitores: um comprador que precisa de dicas durante a vistoria de seu próximo imóvel, umengenheiro que vai entregar novas unidades residenciais e não quer desapontar seus clientes ou um engenheiro/arquiteto que precisa acompanhar um amigo ou cliente durante a vistoria do apartamento dele como responsável técnico.

Ao contrário do que muitos possam pensar, as construtoras querem clientes satisfeitos, afinal nós engenheiros não queremos perder nossa reputação no mercado e precisamos de relacionamento de longo prazo para ter sucesso. Picaretas existem em todas as profissões, mas nunca são a maioria. Além disso, empresas e cliente procuram evitar entrar em disputas na justiça, que são desgastantes e custosas para ambos.

Não conhecemos uma lei que “obrigue” uma construtora a realizar o processo de vistoria, mas temos visto que esse é um procedimento bastante usual e até benéfico para ambos, pois serve como processo de ajuste entre empresa e cliente. Assim, durante a vistoria, o cliente avalia o produto adquirido quanto à existência de defeitos e imperfeições para que a construtora efetue os reparos necessários e entregue o produto final de forma aceitável.

Infelizmente, muitas pessoas não levam essa oportunidade tão a sério quanto deveriam e têm muito mais trabalho para conseguir atendimento após ocuparem seu apartamento novo. Para que isso não ocorra com você, selecionamos 7 principais motivos para você fazer sua vistoria com atenção e empenho ou alertar um amigo que está passando por este momento:

 1. Defeitos podem passar desapercebidos e depois te incomodar pra sempre…

A construção civil ainda é um processo semi-artesanal, isto é, várias etapas dependem da habilidade do “artista” (o pedreiro) e devido à falta de qualificação, desatenção ou até mesmo de procedimento de qualidade da empresa, é muito provável que algum lugar no seu apartamento novo apresente serviços executados com desvios em relação às boas técnicas de engenharia. Essa vistoria prévia funciona para que você os identifique e exija uma solução. Quem não tem em casa algum defeitinho que te irrita sempre que você nota ? Pode ser uma torneira gotejando, porta emperrando, piso trincado…

 2. Equipe à disposição para ajustar irregularidades

No momento da visita de entrega do apartamento, as construtoras disponibilizam uma equipe de rápidos reparos e pode solucionar os problemas sem os incômodos da espera, agendamento de visitas, reclamações de vizinhos pelos barulhos, sujeira…

 3. O condomínio está à sua inteira disposição para ajustes

Além das vantagens quanto ao barulho e retirada de entulho por ainda não haver ocupação ou regras de condomínio, alguns reparos, como o da rede de esgoto em caso de vazamentos só poderiam ser realizados com autorização do apartamento do andar inferior, terá toda exclusividade enquanto a construtora detém o controle de acesso sobre os outros apartamentos sem transtornos. Pode parecer coisa pequena, mas quando um vizinho incompreensivo aparece, esses impasses podem se estender por longas brigas judiciais.

 4. Menos incômodo para você, proprietário

No momento da vistoria, você ainda não estará morando no local. Com o ambiente vazio e sem os móveis qualquer reparo não provocará danos aos seus itens pessoais. Sem contar que não haverá a necessidade da sua presença durante as intervenções. Como a construtora que será responsável pelo seu imóvel, você pode simplesmente indicar os reparos necessários e depois conferi-los, sem precisar acompanhar o serviço dos profissionais que farão as intervenções.

 5. Verificação de materiais conforme o prometido

Muitos empreendimentos imobiliários apresentam opções diferenciadas de revestimentos de pisos e pedras. Nesses casos, é comum ocorrerem trocas de materiais por falta de organização da construtora. Outro fato que pode ocorrer (com construtoras de índole questionável) é a troca de alguns insumos como pisos, pedras, louças e metais, por outros de qualidade inferior com a intenção de economizar. O documento que define essas características é o memorial descritivo, o qual deve estar em mãos no momento da vistoria para verificar se os acabamentos que estão sendo entregues são exatamente como os previstos.

 6. Seu poder de barganha nunca será tão grande

Quando as construtora precisam realizar a entrega do apartamento, elas topam arrumar até reparos que nem estariam no escopo dela. Isso te dá maior poder de negociação. É muito comum elas facilitarem as negociações sobre algum ajuste como uma pintura manchada para que o assunto seja encerrado e o apartamento entregue. Se você estiver financiando, o banco pode exigir seu aceite para liberar o dinheiro para ela, utilize isso a seu favor.

 7. Livre-se da culpa por danos pós-ocupação

Por fim, você deve imaginar que alguns danos podem ser causados pelo uso inadequado do imóvel. Pisos riscados, por exemplo, podem ser resultado de uma mudança descuidada. Assim, para evitar discussões sobre quem é o responsável por uma falha, é melhor que esses reparos sejam feitos antes da entrega do apartamento.

O processo de vistoria não precisa ser um processo estressante e cansativo. Com um método adequado e verificando os pontos relevantes na obra, cada minuto investido irá trazer anos de tranquilidade e sossego. É claro que antes de realizá-la você deve estar muito bem preparado, nem precisamos avisar que você precisa estudar como ela deve ser feita… Não vá para a visita cuspindo reclamações onde não precisa e não investindo tempo nos itens que realmente merecem ser checados.

Lembre-se de sempre mostrar uma postura calma e respeitosa, independente do humor de quem te atender. Isso facilita que você consiga as alterações que possa precisar. Também procure sempre entrar em acordo, pondere sobre o assunto antes de tomar decisões drásticas. Mesmo que talvez você tenha que abrir mão de algo, o acordo pode ser uma saída melhor. A justiça geralmente é lenta, advogados têm custo, você perderá tempo e não existe certeza de que você ganhará o caso. Afinal, você ou seu cliente comprou o imóvel pensando em tranquilidade e vida nova, não ?

Agora que você viu o quão importante é a vistoria de um apartamento não perca tempo, procure se preparar para a sua! Mande suas dúvidas nos comentários abaixo porque estamos reunindo uma coletânia completa sobre o tema.

Até a próxima!

Compartilhe: